Esta web está cofinanciada por el Fondo Europeo de Desarrollo Regional (FEDER) a través del Programa Interreg V-A España-Portugal (POCTEP) 2014-2020

Regia Douro Park – Associação para o Desenvolvimento do Regia Douro Park

O Regia-Douro Park está focado nas áreas agro-alimentar, agro-industrial, enologia, vitivinicultura, economia verde, valorização ambiental e tecnologias agro-ambientais. Assume-se como um pilar de desenvolvimento económico integrado.

A Associação para o Desenvolvimento do Regia Douro Park – Parque de ciência e Tecnologia é uma associação sem fins lucrativos que tem como associados: Câmara Municipal de Vila Real, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Câmara Municipal de Bragança, Instituto Politécnico de Bragança, PortusPark (APCTP).

O REGIA DOURO PARK visa contribuir para o desenvolvimento económico da região em que se insere, através da instalação de empresas de base tecnológica, centros de investigação e do ensino superior. De acordo com os seus estatutos, compete ao REGIA DOURO PARK:

  1. Disponibilizar instalações e equipamentos adequados às necessidades de empresas de base tecnológica.
  2. Apoiar a incubação de empresas de base tecnológica e promover o empreendedorismo.
  3. Prestar serviços de gestão de projetos, nomeadamente nos que resultem da atividade de incubação já referida.
  4. Promover a colaboração entre os associados e organismos de investigação, universidades e empresas, em projetos de I+D+I.
  5. Detectar e selecionar fontes de financiamento tendo em vista os objetivos doa associados no desenvolvimento de projetos na área de atuação do REGIA DOURO PARK.
  6. Promover, desenvolver e apoiar a execução de projetos de apoio tecnológico para a modernização empresarial.
  7. Apoiar a criação de unidades de investigação aplicada e de núcleos empresariais de tecnologias avançadas.
  8. Promover o registo de patentes e fazer a sua exploração.
  9. Prestar serviços de consultoria e apoio técnico.
  10. Apoiar as empresas na optimização e desenvolvimentos de processos e produtos.
  11. Desenvolver e participar em programas de formação de recursos humanos.
  12. Colaborar com instituições nacionais e estrangeiras de forma a conseguir máxima eficiência na sua ação.
  13. Participar em concursos nacionais e internacionais que se realizem no âmbito das atividades que constituem o seu objeto.
  14. Permutar e difundir informação de caráter relevante para os seus associados.

Com este conjunto de atividades o REGIA DOURO PARK está provido de capacidades que lhe permitem estimular o desenvolvimento económico da região e a aposta em ideias inovadoras de potenciais empreendedores.

O REGIA DOURO PARK está focado nas áreas agroalimentar, agroindustrial, enologia, vitivinicultura, economia verde, valorização ambiental e tecnologias agroambientais. O REGIA DOURO PARK assume-se como um pilar de desenvolvimento integrado, apostando nas fortes valências da UTAD e da Região. Constitui uma nova centralidade Empresarial no Douro.

O projeto assenta em elevadas competências científicas instaladas, numa incubadora e aceleradora de empresas, num polo tecnológico de excelência e num business center que estruturam toda a arquitetura do projeto e conferem coerência à sua oferta integrada e vanguardista, bem ancorada num conjunto de espaços, competências e práticas de natural cooperação, através das quais se simplifica o trabalho das empresas e dos empresários.

Neste quadro, configura-se como determinante a captação de investimento facilitado por um inovador portfólio de infraestruturas, de projetos bem organizados e de acompanhamento estruturado em todas as fases de montagem do negócio.

O Centro de Excelência da Vinha e do Vinho assume uma centralidade dinâmica na geografia económica duriense, contando para o efeito, com um complexo laboratorial de excelência tecnológica, centrado na fileira vínica onde se inserem as empresas, as instituições públicas, associações e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, através dos quais se fazem ressaltar as competências deste sector de atividade e o seu valor económico nos contextos nacional e internacional.

O REGIA DOURO PARK alberga um Parque Empresarial e Industrial com 10ha e 26 lotes, destinados à instalação de empresas nos seus sectores prioritários e que compreendem todas as infraestruturas, arruamentos, vedação e segurança, beneficiando da sua excelente localização, no cruzamento de importantes vias, ligando-o a todos os mercados e destinos, de forma rápida e eficaz. Geograficamente beneficia da centralidade do eixo duriense e da Universidade enquanto seu centro maior de excelência, do saber, do conhecimento e da modernidade.

Neste ambicioso quadro de afirmação e de dinâmica, o Régia Douro Park segue ancorado no sonho das raízes mais emblemáticas da grande e histórica Região Vinhateira, com os seus espaços grandiosos e os seus irrepetíveis cenários de paisagem Cultural, Evolutiva e Viva, que catapultaram o Douro como uma impar Região Património da Humanidade, aberta ao mundo e através da qual se afirma e se imortaliza um território singular.

O apoio do REGIA DOURO PARK à incubação e à aceleração de empresas é desenvolvido através de programas de incubação e aceleração, que disponibilizam uma oferta integrada de espaços e de serviços adaptados às necessidades específicas de cada fase dos empreendedores, desde a definição da ideia de negócio à autonomia da empresa e à sua consolidação nos mercados alvo, nacionais e internacionais.

INCUBAÇÃO NO REGIA DOURO PARK

O programa de incubação no REGIA DOURO PARK divide-se em quatro fases sequenciais:

  1. A fase PRÉ-ARRANQUE, orientada para a consolidação da ideia de negócio e a sua concretização em produto ou serviço, para o desenvolvimento do modelo de negócio, do Plano de Negócio, da prova de conceito e das validações de mercado, bem como para o reforço das competências dos seus promotores, permitindo que testem e avaliem a viabilidade de criar uma empresa.
  2. A fase ARRANQUE apoia o início da implementação da estratégia e da atividade comercial.
  3. A fase CRESCIMENTO apoia o crescimento das vendas, o aumento do número de clientes, a estruturação do processo de internacionalização e a captação de investidores.
  4. Na última fase, CONSOLIDAÇÃO, é iniciada a consolidação do processo de internacionalização, da sustentabilidade financeira e da autonomia da empresa sem o apoio do programa de incubação. Após a conclusão deste programa as empresas estão capacitadas para desenvolver a sua atividade de forma autónoma tendo, contudo, a possibilidade de aderirem ao programa de ACELERAÇÃO no REGIA DOURO PARK.

ACELERAÇÃO NO REGIA DOURO PARK

O programa de aceleração no REGIA DOURO PARK, está orientado para a escalabilidade e o crescimento de empresas em mercados internacionais, sobretudo as que concluem com sucesso o programa de incubação. Este programa apoia a consolidação do modelo e do Plano de Negócio, o processo de internacionalização, incluindo a definição da estratégia de comunicação em mercados internacionais, a valorização dos direitos de propriedade intelectual e a captação de investidores institucionais e privados que contribuam para o rápido e sustentado crescimento das empresas aderentes.

Serviços de incubação e aceleração do REGIA DOURO PARK

  • Acompanhamento na gestão operacional do negócio
  • Assessoria e apoio jurídico e financeiro
  • Apoio na estruturação/consolidação do modelo e plano de negócios
  • Apoio na estruturação/consolidação e implementação de plano e ações de marketing
  • Apoio na estruturação e desenvolvimento de produtos/serviços
  • Apoio à proteção/ valorização de direitos de propriedade intelectual
  • Apoio no acesso ao portefólio de competências e serviços da UTAD
  • Apoio na criação da identidade gráfica
  • Apoio no reforço das competências de comunicação do CEO
  • Apoio à constituição da empresa e ao início de atividade
  • Apoio a candidaturas a concursos de empreendedorismo
  • Apoio na estruturação da estratégia de comunicação
  • Apoio na divulgação da atividade, produtos e serviços
  • Apoio no contacto com investidores e entidades financeiras
  • Apoio na estruturação/consolidação do processo de internacionalização

São ainda disponibilizados os seguintes serviços-extra (pressupõem a contratação de Serviço de Consultoria e Assessoria do parque):

  • Elaboração de estudos de viabilidade económico-financeira
  • Contabilidade e assessoria fiscal
  • Apoio contabilístico e fiscal na gestão de recursos humanos
  • Apoio na gestão de incentivos à contratação de recursos humanos
  • Apoio na implementação de um sistema de controlo e planeamento de tesouraria
  • Faturação
  • Elaboração de pedidos de pagamento e certificação de despesas

O REGIA DOURO PARK tem inúmeras parcerias com entidades externas ao parque nas mais diversas áreas de atuação, parcerias estas que procuram suprir necessidades demonstradas pelas empresas instaladas:

  • Hotelaria e Restauração
  • Microcrédito
  • Crowdfunding
  • Seguros
  • Medicina no trabalho
  • Ações e suportes de comunicação
  • Divulgação de conteúdos em órgãos de comunicação social
  • Avaliação de competências
  • Recrutamento e seleção
  • Apoio à gestão e ao reforço de capital
  • Apoio à internacionalização